PREVALÊNCIA DE DOENÇA ARTERIAL PERIFÉRICA EM PESSOAS COM DIABETES MELLITUS

REVISÃO SISTEMÁTICA E METANÁLISE

Palavras-chave: Doença Arterial Periférica, Diabetes mellitus, Prevalência, Índice Tornozelo-Braço, Cuidados de Enfermagem

Resumo

Objetivo: Estimar a prevalência da Doença Arterial Periférica em indivíduos com Diabetes Mellitus por meio de evidências da literatura. Método: Revisão sistemática e metanálise, realizadas por dois pesquisadores independentes, em bases de dados nacionais e internacionais. O protocolo da revisão seguiu as recomendações PRISMA e foi registrado na base International Prospective Register of Systematic Reviews (PROSPERO). Foram incluídos artigos publicados nos últimos cinco anos, e a qualidade metodológica foi avaliada através do instrumento proposto pelo The Joanna Briggs Institute, que avalia estudos de prevalência. Na metanálise utilizou-se o modelo de efeitos randômicos, assim como análises para investigação de heterogeneidade. Resultados: Foram analisados 2594 estudos, que, após aplicados os critérios de elegibilidade, totalizaram 14 artigos, no qual todos realizaram o teste do índice tornozelo-braço para o diagnóstico da Doença Arterial Periférica. A amostra total foi de 9335 pessoas, prevalência de 6.30% de DAP, e a heterogeneidade do estudo foi I² = 97%. Na análise de subgrupos, as mulheres, pessoas com mais de 5 anos de diabetes, hipertensão e obesidade apresentaram maior prevalência de doença arterial periférica. Conclusão: Esse estudo demonstra que a prevalência da Doença Arterial Periférica entre os pacientes diabéticos é relevante, principalmente entre as mulheres. O teste do índice tornozelo-braço é amplamente indicado e útil para avaliação do paciente diabético e diagnóstico precoce da Doença Arterial Periférica e pode contribuir para a prevenção de feridas e amputação, proporcionado melhor qualidade vida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliana Andreia Fernandes Noronha, Universidade Federal de Campina Grande

 

Taciana da Costa Farias Almeida, Universidade Federal de Campina Grande

 

Roberta Lima Gonçalves, Universidade Federal de Campina Grande

 

 

Publicado
2021-11-04
Como Citar
1.
Lins B, Noronha JA, Santos SM, Ramos T, Almeida T da, Gonçalves R. PREVALÊNCIA DE DOENÇA ARTERIAL PERIFÉRICA EM PESSOAS COM DIABETES MELLITUS. REAID [Internet]. 4nov.2021 [citado 1dez.2021];95(36):e-21161. Available from: https://revistaenfermagematual.com/index.php/revista/article/view/1176
Seção
ARTIGO DE REVISÃO