PERFIL DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE A INFECÇÃO LATENTE DA TUBERCULOSE: ESTUDO BIBLIOMÉTRICO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31011/reaid-2022-v.96-n.39-art.1455

Palavras-chave:

Tuberculose Latente, Bibliometria, Indicadores de Produção Científica, Pesquisa em Enfermagem

Resumo

Objetivo: analisar o perfil bibliométrico da produção científica sobre a infecção latente da tuberculose, disponível na base de dados Web of Science. Métodos: estudo bibliométrico, com abordagem quantitativa. Organizou-se estratégia de busca com termos do vocabulário Medical Subject Headings, incluindo publicações de janeiro de 2016 a agosto de 2021. Realizou-se análise estatística descritiva e aplicou-se as Leis de Bradford e Zipf. Resultados: a amostra se constituiu por 2.460 publicações, com predomínio de artigos originais, no idioma inglês, dos anos de 2018 a 2020. Destacaram-se 10 autores e 25 instituições norte-americanas e britânicas. Estados Unidos da América e Inglaterra foram os países que mais publicaram. A principal área de pesquisa foi a de doenças infecciosas. Identificaram-se 25 periódicos mais influentes e 10 palavras-chave com maior representatividade. Conclusões: constatou-se que a produção científica sobre a infecção latente da tuberculose é extensa e diversificada, e apresentou tendência de aumento no período estudado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Erlon Gabriel Rego de Andrade, Universidade do Estado do Pará

Enfermeiro. Especialista em Neurologia e Mestrando em Enfermagem. Universidade do Estado do Pará, Belém, Pará, Brasil.

Ivaneide Leal Ataíde Rodrigues, Universidade do Estado do Pará

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Universidade do Estado do Pará, Belém, Pará, Brasil.

Rubenilson Caldas Valois, Universidade do Estado do Pará

Enfermeiro. Doutor em Doenças Tropicais. Docente da Universidade do Estado do Pará, Belém, Pará, Brasil.

Ivonete Vieira Pereira Peixoto, Universidade do Estado do Pará

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Universidade do Estado do Pará, Belém, Pará, Brasil.

Laura Maria Vidal Nogueira, Universidade do Estado do Pará

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Universidade do Estado do Pará, Belém, Pará, Brasil.

Widson Davi Vaz de Matos, Universidade do Estado do Pará

Enfermeiro. Especialista em Oncologia e Mestrando em Enfermagem. Universidade do Estado do Pará, Belém, Pará, Brasil.

Iací Proença Palmeira, Universidade do Estado do Pará

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Docente da Universidade do Estado do Pará, Belém, Pará, Brasil.

Publicado

14-09-2022

Como Citar

1.
Rego de Andrade EG, Leal Ataíde Rodrigues I, Caldas Valois R, Vieira Pereira Peixoto I, Vidal Nogueira LM, Vaz de Matos WD, Proença Palmeira I. PERFIL DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE A INFECÇÃO LATENTE DA TUBERCULOSE: ESTUDO BIBLIOMÉTRICO. Rev. Enferm. Atual In Derme [Internet]. 14º de setembro de 2022 [citado 29º de setembro de 2022];96(39):e-021297. Disponível em: https://revistaenfermagematual.com/index.php/revista/article/view/1455

Edição

Seção

ARTIGO DE REVISÃO