REPERCUSSÕES DA COVID-19 NA SAÚDE MENTAL DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE DA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE

Autores

  • Milene Negri Reiser FURB - Fundação Universidade Regional de Blumenau
  • Luciana Bisio Mattos FURB - Fundação Universidade Regional de Blumenau

DOI:

https://doi.org/10.31011/reaid-2023-v.97-n.3-art.1640

Palavras-chave:

Profissionais de saúde, Saúde mental, Covid-19, Atenção Primária à Saúde, Estratégia Saúde da Família

Resumo

Objetivo: Compreender as repercussões no estado de saúde mental dos profissionais de saúde da Atenção Primária à Saúde. Métodos: Estudo qualitativo, exploratório e descritivo realizado com profissionais médicos e enfermeiros da Atenção Primária em Saúde inseridos no Programa Estratégia Saúde da Família de um município da região Sul do Brasil. Resultados: Foram entrevistados 19 profissionais de saúde entre os meses de fevereiro a maio de 2021. Utilizou-se da análise temática como ferramenta de análise de dados. Emergiram 4 categorias temáticas: Repercussões na Saúde Mental como medo, ansiedade, frustração, impotência, angústia, estresse, cansaço, pressão e sensação de falta de proteção, Situações Estressoras como falta de vacina e tratamento, dificuldade de entendimento, uso permanente de EPI e falta de organização pela gestão, Mudanças no Processo de Trabalho como estruturas inadequadas e número excessivo de pacientes e Comunicação no que tange omissão de informações e mudança constante das informações de saúde. Conclusão: Acredita-se que os achados da pesquisa possam contribuir a gestores e profissionais de saúde para melhores práticas e aprimoramento de programas em saúde mental. O estudo evidenciou predomínio da falta de valorização e negligência em relação a saúde mental dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente.   

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

12-07-2023

Como Citar

1.
Reiser MN, Mattos LB. REPERCUSSÕES DA COVID-19 NA SAÚDE MENTAL DOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE DA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE. Rev. Enferm. Atual In Derme [Internet]. 12º de julho de 2023 [citado 25º de setembro de 2023];97(3):e023128. Disponível em: https://revistaenfermagematual.com/index.php/revista/article/view/1640

Edição

Seção

ARTIGO ORIGINAL