METODOLOGIAS ATIVAS NA MONITORIA DE SEMIOLOGIA E SEMIOTÉCNICA EM ENFERMAGEM: CONTRIBUIÇÕES PARA AS VIVÊNCIAS PRÁTICAS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31011/reaid-2023-v.97-n.4-art.1698

Palavras-chave:

Cuidados de Enfermagem, Educação em Enfermagem, Aprendizagem Baseada em Problemas, Estudantes de Enfermagem

Resumo

Objetivo: Descrever a experiência da utilização de metodologias ativas nas atividades de monitoria no ensino de semiologia e semiotécnica em enfermagem e as suas contribuições nas vivências práticas da disciplina. Métodos: Estudo descritivo, de natureza qualitativa, do tipo relato de experiência. Resultados: As metodologias ativas utilizadas na monitoria de semiologia e semiotécnica foram gincanas, jogos e confecções de feridas com registro de enfermagem. Elas promoveram o raciocínio crítico do discente por meio da participação ativa, contribuindo na compreensão dos conteúdos e visão crítica dos conteúdos aplicados à prática. Conclusão: Conclui-se que a experiência com metodologias ativas proporcionou resultados positivos na fixação dos assuntos abordados e melhor desempenho na prática, contribuindo para formação acadêmica e profissional dos discentes de enfermagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

joselane izaquiel marinho, Universidade federal de campina grande

Graduanda em Enfermagem pela Universidade Federal de Campina Grande

Schirley Maria de Araújo Azevêdo, Universidade Federal de Campina Grande

Graduanda em Enfermagem pela Universidade Federal de Campina Grande

Clara Rodrigues da Silva, Universidade Federal de Campina Grande

Graduanda em Enfermagem pela Universidade Federal de Campina Grande

Edlene Régis Silva Pimentel, Universidade Federal de Campina Grande

Professora na Universidade Federal de Campina Grande

Lidiane Lima de Andrade, Universidade Federal de Campina Grande

Professora na Universidade Federal de Campina Grande

Referências

Barros AWMS, Araújo DL, Lima MBRB, Albuquerque EA, Melo JF, Calado ELC, Gomes GG. Monitoria acadêmica em enfermagem: uma revisão de literatura. BJHR [Internet]. 2020 [cited 2022 Aug 12];3(3):4785-94. Disponível em: https://brazilianjournals.com/ojs/index.php/BJHR/article/view/10317 DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n3-067

Andrade EGR, Rodrigues ILA, Nogueira LMV, Souza DF. Contribution of academic tutoring for the teaching-learning process in Nursing undergraduate studies. Rev Bras Enferm. 2018;71:1596-603. doi: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2017-0736 DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2017-0736

Moran J. Metodologias ativas para uma aprendizagem mais profunda. Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso. 2018:02-25.

Pafume SM, Silva ÉC, Andrade AC. Contribuição da formação em uma universidade privada para inserção dos enfermeiros no mercado de trabalho. JONAH [Internet]. 2018 [cited 2022 Aug 12];8(1). Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/enfermagem/article/view/12731/8660 DOI: https://doi.org/10.15210/jonah.v8i1.12731

Conselho Federal de Enfermagem (Cofen). Resolução COFEN N° 567/2018 [Internet]. 2018 jan 29; Brasília: COFEN; 2018 [cited 2022 Aug 12]. Disponível em: http://www.cofen.gov.br/wp-content/uploads/2018/02/ANEXORESOLU%C3%87%C3%83O-567-2018.pdf

Oliveira LSB, Costa ECL, Matias JG, Amorim LLB. Os efeitos da capacitação da equipe de enfermagem sobre avaliação e cuidado de pacientes com feridas. BRJD. 2020;6(5):29707-25. doi: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-430 DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-430

Evêncio KMM, Teixeira SL, Rodrigues KGFC, Feitosa FA, da Silva Fontes WJ. Dos Tipos de Conhecimento às Pesquisas Qualitativas em educação/ from knowledge types to qualitative education research. Rev psicol [Internet]. 2019;13(47):440-52. Disponível em: https://idonline.emnuvens.com.br/id/article/view/2105/0 DOI: https://doi.org/10.14295/idonline.v13i47.2105

Kielo E, Salminen L, Stolt M. Graduating student nurses' and student podiatrists' wound care competence–An integrative literature review. Nurse Educ Pract. 2018;29:1-7. doi: https://doi.org/10.1016/j.nepr.2017.11.002 DOI: https://doi.org/10.1016/j.nepr.2017.11.002

Cavalcante FML, Menezes ACV, Alves DGS, Mendonça GMM. Monitoria acadêmica em enfermagem: construindo conhecimentos através de metodologias ativas. Rev Enferm UFPE on line. 2021;15:e244462. doi: https://doi.org/10.5205/1981-8963.2021.244462 DOI: https://doi.org/10.5205/1981-8963.2021.244462

Pinho GC, Miranda EP, Tavares MAB, Alves DVA, Morais RXB, Sobreira TM, et al. Peer-Assisted and Team-Based Learning: A new hybrid strategy for Medical Education. Rev Bras Educ Med. 2018;42(3)162-70. doi: https://doi.org/10.1590/1981-52712015v42n3RB20180042.r2ING DOI: https://doi.org/10.1590/1981-52712015v42n3rb20180042.r2ing

Macedo KDS, Acosta BS, Silva EB, Souza NS, Beck CLC, Silva KKD. Metodologias ativas de aprendizagem: caminhos possíveis para inovação no ensino em saúde. Escola Anna Nery. 2018;22(3):1-9. doi: https://doi.org/10.1590/2177-9465-EAN-2017-0435 DOI: https://doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2017-0435

Batista LMBM, Cunha VMP. O uso das metodologias ativas para melhoria nas práticas de ensino e aprendizagem. Docent Discunt. 2021;2(1):60–70. doi: https://doi.org/10.19141/2763-5163.docentdiscunt.v2.n1.p60-70 DOI: https://doi.org/10.19141/2763-5163.docentdiscunt.v2.n1.p60-70

Mattia BJ, Kleba ME, Prado ML. Nursing training and professional practice: an integrative review of literature. Rev Bras Enferm. 2018;71(4):2039-49. doi: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2016-0504 DOI: https://doi.org/10.1590/0034-7167-2016-0504

Publicado

03-10-2023

Como Citar

1.
marinho joselane izaquiel, Araújo Azevêdo SM de, Silva CR da, Pimentel ERS, Andrade LL de. METODOLOGIAS ATIVAS NA MONITORIA DE SEMIOLOGIA E SEMIOTÉCNICA EM ENFERMAGEM: CONTRIBUIÇÕES PARA AS VIVÊNCIAS PRÁTICAS. Rev. Enferm. Atual In Derme [Internet]. 3º de outubro de 2023 [citado 28º de maio de 2024];97(4):e023188. Disponível em: https://revistaenfermagematual.com/index.php/revista/article/view/1698

Edição

Seção

RELATOS